Notícias

PSS de Monitores para o Mais Alfabetização

A SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO de Chaves, torna público o edital para a seleção e constituição do banco de Assistentes de Alfabetização voluntários para o Programa Mais Alfabetização, instituído pela Portaria no 142, de 22 de fevereiro de 2018.

A seleção destina-se ao preenchimento de 06 (seis) vagas para Assistentes de Alfabetização voluntários do Programa Mais Alfabetização no âmbito do Município de Chaves - PA, a serem distribuídas na escola pública, da zona urbana e rural.

O Processo Seletivo simplificado será realizado nas dependências da Escola Municipal de Educação Magalhães Barata, na Praça da Bandeira, e na Escola São Sebastião de Arapixi, Localidade de Arapixi, Zona Rural.

EDITAL

RESULTADO

 

 

Construção de Pontes no Município

Um total de 662 metros de comprimento entre pontes e passarelas foram construídas pela atual gestão do município de Chaves, por meio da Secretaria de Infraestrutura, que vem realizando serviços de revitalizações e construções nas estruturas existentes, garantindo o deslocamento dos moradores com segurança.

MIRI/Chaves

Nessa fase inicial, as obras já beneficiam diretamente um total de 30 alunos da escola do Croari, que recebeu a construção de nova passarela, com 42 metros.

Moradores da Vila São Pedro na localidade do Rio Ganhoão, também foram contemplados com a construção de 100 metros de passarela. A gestão municipal esta concluindo também a construção da ponte do Miri, com extensão de 520 metros de comprimento, que vai beneficiar os moradores da Vila Flexeira.

A secretaria de infraestrutura vem realizando um levantamento sobre as condições de todas as pontes e passarelas do Município e gradativamente vai promover manutenção, reparos e a substituição de pontes antigas por novas. Para o Prefeito do município, garantir a mobilidade de moradores e acesso seguro de crianças, jovens e adolescentes à escola é uma das prioridades da atual gestão. “Nossa gestão está comprometida em garantir qualidade de vida e o direito de ir e vir dos cidadãos Chavenses, para isso, não vamos medir esforços pra atendermos as reivindicação dos moradores das localidades” Ressaltou o Prefeito Bira Barbosa

 

 

Segunda ação com Unidade Básica de Saúde Fluvial (UBSF)

A Secretaria Municipal de Saúde- SEMSA, em sua segunda ação com UBSF- Unidade Básica de Saúde Fluvial, completou nesta sexta-feira (30) seu sétimo dia de atendimento ao povo ribeirinho da localidade do rio Cururu, onde já realizou 2.700 atendimentos. Além da consulta médica à vacinação e o serviço odontológico são os mais procurados.

A Secretaria Municipal de Saúde está em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social – SEMAS, realizando Ação Social que tem como objetivo oferecer serviços sócio-assistenciais, como espaço da beleza com manicure, corte de cabelo feminino e masculino, hidratação capilar, oficinas de geração de emprego e renda, pintura em roupas e tecidos, oficinas de chocolate, além da distribuição de informativos e palestras sobre trabalho infantil, cadastro único e bolsa família.

É a Prefeitura Municipal de Chaves apoiando o trabalho integrado da SEMAS e SEMSA para as comunidades ribeirinhas. 

Veja as fotos

 

UBSF – UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE FLUVIAL

A Prefeitura Municipal de Chaves, através da Secretaria de Saúde, realiza na localidade do Rio Cururu, durante o período de 25 a 31/03, atendimentos médicos, odontológicos e os mais diversos serviços oferecidos na UBSF, como: saúde das famílias, planejamento familiar, saúde da criança e adolescente, saúde do idoso, consultas pré-natal, vacinas, exames de fezes e urina, ASO, FR LATEX, VHS, tipagem sanguínea, teste de gravidez, HIV, Hepatite B e C, entre outras.

É a UBSF levando mais saúde ao povo Chavense, mais facilidade e qualidade no atendimento aos ribeirinhos.

 

Placas Solares desembarcam no trapiche de Chaves

O Município de Chaves, no arquipélago do Marajó, recebeu na manhã do último domingo (18), um total de 280, placas de energia solar, que serão instaladas em cerca de treze escolas locais, dentre elas a Escola Municipal Edmar Barbosa, escolhida como colégio piloto do programa SER Ribeirinho - Escolas Sustentáveis. O projeto instituído por meio do decreto municipal 021/2017, tem como objetivo favorecer o desenvolvimento da educação em áreas predominantemente ribeirinhas e rurais.

O programa conta com ações pedagógicas contextualizadas na realidade local, potencializadas pela produção cultural do município, práticas agrícolas e meios sustentáveis de produção. As ações visam a inserção de tecnologias ambientais nas unidades escolares, por meio da criação de espaços que favoreçam a construção de uma cidadania vinculada a valores que estimulem relações de coexistência entre homem e natureza.

Os equipamentos foram adquiridos através da Secretaria Municipal de Educação- SEMED, e faz parte do Programa SER Ribeirinho, trazendo não só benefícios econômicos e sustentáveis para município, mais também inclusão social, melhoria na qualidade de vida da população e melhora na qualidade da merenda escolar, uma vez que, teremos condições de armazenamento dos alimentos.

Essa energia limpa e sustentável aliada a novas políticas pedagógicas, vem principalmente proporcionar num futuro bem próximo a implantação de aulas no turno da noite, proporcionando acesso à educação aos moradores das localidades, que trabalham durante ao dia. 

Segundo informações da secretaria de Meio Ambiente, às placas em questão têm potencial para produzir um total de 76 KWP(Quilowatts-pico), gerando energia limpa e sustentável, o que representa uma economia de R$57.000 reais que serão economizados ao ano considerando se o consumo fosse cobrado pela empresa fornecedora de energia. E se fosse utilizado motor gerador a economia seria de R$63.000/ano. 

Para o Prefeito do município Bira Barbosa, os benefícios da energia solar vão muito além da redução de custos. Foi projetado um modelo de escola para o município com estrutura arquitetônica para agregar o corpo docente, área de informática, e também estamos priorizando a questão do tratamento da água consumida pelos alunos e a horta escolar. “Quem investe em energia solar está investindo em qualidade de vida da população, na preservação do meio ambiente e do planeta". Ressaltou o prefeito.

A parceria entre o município e o projeto Ser Ribeirinho pretendem criar cerca de treze complexos educacionais, equipados com tecnologias ambientais, no município de Chaves, com o propósito de transformar a educação exercida atualmente no município, por meio da construção e aplicação de um projeto político pedagógico, inserido no contexto da cultura ribeirinha local, através da construção coletiva do conhecimento, visando a formação de cidadãos atuantes frente as de lidar com a biodiversidade amazônica, criando agentes preservadores dos recursos naturais da região. 

A metodologia de ensino aplicada por meio do projeto é pautada na interdisciplinaridade, favorecendo o trabalho coletivo de alunos e educadores, incentivando o desenvolvimento do educando em seu tempo e espaço, oportunizando a continuidade do processo de ensino e aprendizagem, respeitando o ritmo e as experiências de cada aluno.

A proposta é superar o sistema em que a educação funciona como mero recurso de transmissão e recepção de conteúdo, passando a operar de maneira transformadora, implementando a pesquisa como principal meio gerador de conhecimento, através de um espaço educativo que promova discussões e reflexões, que possuam o meio ambiente e, consequentemente, os cuidados com o lugar em que vivemos, como eixo central das questões a serem debatidas.

Veja as Fotos

 

Interrupção do fornecimento de água

Prefeitura Municipal de Chaves por meio da Secretária de Infraestrutura, comunica a população que em virtude do serviço de manutenção da bomba d'água feito neste Domingo (25/02/2018), o sistema de distribuição de água novamente será interrompido, pois necessita ser finalizado.

A interrupção será dia 27 de Fevereiro de 2018, das 7h às 13h.

Agradecemos a compreensão de todos!

 

 

I Workshop de Planejamento Institucional da SEMED

A Prefeitura Municipal de Chaves, através da Secretaria Municipal de Educação - SEMED, realizou no período de 19 a 23/02, na Escola Magalhães Barata, o I Workshop de Planejamento Institucional da Secretaria Municipal de Educação. O tema abordado foi “O Planejamento como Eixo Norteador da Gestão Institucional”, ministrado pela professora Darlene Trindade, Pedagoga formada pela Universidade Estadual do Pará- UEPA, mestre em Educação.

O objetivo do Workshop foi proporcionar um espaço de construção do planejamento institucional visando a otimização dos processos administrativos de forma que possa subsidiar a gestão central e setorial da SEMED, estabelecendo a relação entre o planejamento e a qualidade da gestão educacional, atendendo a diversidade dos vários espaços educacionais.


Para a diretora do Polo Ganhoão, Carla dos Santos que esteve presente nesses cinco dias de aprendizagem, relatou que “nesse período tudo que foi discutido e levantado considero pertinente e relevante para educação do nosso município, porque precisamos garantir a aprendizagem com sucesso dos nossos alunos e o ponto de partida é exatamente o planejamento, que foi o que fizemos durante esses dias, identificamos os problemas que temos em nossa educação, que não são de hoje, mais que precisamos superar.

Sugerimos ações para resoluções dos problemas apontados e nesse contexto também está a relação Escola/Sociedade, está a relação institucional, a relação que temos com nossos alunos, que como a professora Darlene falou: ‘independente de qualquer coisa deve ser uma relação acolhedora buscando cada vez mais o aluno para a escola porque ele é o objetivo principal’. E não poderia deixar de dizer que dentro dessa perspectiva de melhoria da educação está o Programa SER-Ribeirinho, com novas metodologias, práticas pedagógicas e espaços pedagógicos diferenciados voltados a realidade local dos nossos alunos. O programa vem provocar uma mudança de concepção e modificar a forma de ensinar o conteúdo que já trabalhamos tendo como eixo principal a sustentabilidade”.

Veja as fotos

 

 

Chaves sobe de categoria no Ministério do Turismo

 O Ministro do Turismo atualizou a categorização dos municípios  no Mapa do Turismo Brasileiro, e o município de Chaves esta entre os 04 municípios da região do marajó que subiram de categoria. Juntamente com Chaves está Salvaterra, Soure e Cachoeira do Arari.

Chaves, desde 2014 pertencia a categoria E o que dificultava pleitear apoio a eventos geradores de fluxo turístico, já que somente municípios classificados entre "A" e "D" podem fazer parte deste Mapa. Essa categorização e identificação junto ao Ministério do Turismo, ajuda a traçar políticas públicas e investimentos mais adequados à realidade de cada lugar. 

Fonte: SETUR-PA

 

Aviso de interrupção no fornecimento de água

A Prefeitura Municipal de Chaves, por meio da Secretaria de Infraestrutura, comunica à população que neste domingo (25 de fevereiro) a partir do meio-dia, Haverá interrupção no fornecimento de água.

A interrupção ocorrerá em função de uma manutenção que será realizada na bomba d’água. O sistema de distribuição de água retornará ao seu funcionamento normal na segunda-feira (26 de fevereiro) às 6h.

Agradecemos a compreensão de todos.

 

Convênio para construção da Escola Ribeirinha Sustentável na Vila de Arapixi

Na manhã do dia 08 de Fevereiro, durante o encerramento da Terceira Reunião do Fórum Permanente de Prefeitas e Prefeitos dos Municípios Sustentáveis, no Hangar Convenções, o Prefeito Bira Barbosa assinou o convênio 014/2018- entre a Prefeitura Municipal de Chaves e o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação- SEDUC. 
O Governo do Estado entregou mais de 50 milhões de recursos para obras e serviços para 21 municípios.
Estavam presentes no evento o presidente da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Márcio Miranda; a secretária de Municípios Sustentáveis, Izabela Jatene; a secretária de Educação, Ana Cláudia Hage.
 
“O convênio que assinamos hoje com o Governo do Estado será para a implantação Escola Sustentável Ribeirinha. Em decorrência da atualidade do ensino, nós percebemos que era necessário dar um novo impulso para a educação desse município e essa revolução passa pela modificação da grade curricular, com ênfase nas matérias que representam a realidade local, e terá como força propulsora a educação ambiental em todas as séries das escolas do município”, relatou prefeito Bira Barbosa.
 
Para o governador Simão Jatene, o repasse é “a concretização da parceria entre estado e municípios, base do trabalho da Secretaria de Municípios Sustentáveis”. “São prefeituras que trabalham diretamente com a secretaria e que sabemos, vão honrar os recursos aplicados em melhorias para a população.